Uso da ultrassonografia no diagnóstico das principais patologias toracolombares dos cavalos atletas – IBvet

Gabriela Ferreira de Campos


Monografia apresentada para conclusão do Curso de Especialização Lato Sensu em Ortopedia em Equinos pela Faculdade Max Planck em convênio com o Instituto Brasileiro de Formação Profissional – IBVET, sob a orientação do Professor Doutor Jairo Jaramillo Cardenas , Indaiatuba, 2017.


Resumo

As enfermidades toracolombares nos equinos representam um desafio ao veterinário, que busca eliminar a dor, restituir o uso atlético do animal e minimizar as perdas econômicas. A lombalgia em equinos é uma área crescente na medicina veterinária devido a maior incidência de enfermidades toracolombares encontradas na avaliação de claudicação, disfunção ou baixa performance na atividade atlética dos equinos. A dificuldade de acesso das estruturas envolvidas e a ausência de sinais clínicos específicos, tornam o diagnóstico difícil e requer a utilização de métodos de diagnóstico por imagem complementar ao exame físico, para maior eficácia diagnóstica. Dessa forma um bom protocolo para controle da dor e tratamento da patologia de maneira específica podem ser realizados, propiciando o retorno do animal a atividade atlética o mais rápido possível.

A qualidade da imagem e a obtenção de bons resultados são altamente dependentes das habilidades e experiência ultrassonográfica do operador, além do conhecimento anatômico e biomecânico da região a ser avaliada. Devido a estes fatores, previamente aos exames de imagem é indispensável a obtenção de um histórico clínico completo e um exame físico estático e dinâmico para podermos correlacionar e graduar os achados nos exames de imagem com a sensibilidade ou dificuldade que o animal está apresentando.

Neste contexto, a ultrassonografia da coluna toracolombar transcutânea em conjunto com a transretal proporcionam uma avaliação complementar ao exame físico e radiográfico de forma a avaliar de maneira dinâmica as articulações, ligamentos, tendões e musculatura, além de servir como guia para infiltrações auxiliando no tratamento e definição do prognóstico do animal.

O presente estudo tem como objetivo padronizar uma técnica de avaliação ultrassonográfica da coluna toracolombar de fácil repetibilidade, levando em consideração a revisão anatômica ultrassonográfica, as principais lesões encontradas e a biomecânica que envolvem estas lesões.



Para ler o artigo na íntegra faça seu login

Acesso GRATUITO, mas restrito!

Para liberar você precisa se identificar ou cadastrar usando o formulário abaixo.


Já possuo cadastro IBVET
 

Quero criar/renovar o cadastro IBVET
 

Olá! Clique no atendente abaixo para iniciar o chat conosco via whatsapp. Responderemos o mais breve possível.

Fale conosco via WhatsApp
PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com